segunda-feira, 31 de julho de 2017

Raspa Semanal #19 | Shannon, Charli Taft, Utada Hikaru, Kana Nishino e +


E aqui estamos com mais uma raspa semanal, reunindo tudo o que poderia ter aparecido aqui no blog nos últimos dias, mas que acabou não surgindo, ou por falta de tempo deste que vos escreve, ou por acreditar que, sozinhas, tais pautas não renderiam bons posts solos.

E como é final de mês, vou aproveitar também para comentar uns troços que passaram despercebidos até para essa coluna de raspa no tacho. Sem mais delongas, vamos lá...

SHANNON - HELLO



Essa aqui serviu de single para o mini preguiçoso que a MBK lançou pra Shannon, vindo além dessa apenas uma ballad de b-side e as versões em coreano e inglês da ótima "Love Don't Hurt", que ela soltou mês passado. Eu curti bastante, pois esse mix Pop onde uma balada vai crescendo até se tornar uptempo quase sempre funciona comigo, além do timbre da Shannon ser super gostoso de escutar e por si só já valer a experiência. Como o MV foi esquecido no churrasco, coloquei acima uma apresentação dela no Raul Gil...

- x -

CHARLI TAFT - LOVE LIKE YOU



Uou, que música boa. Não sei vocês, mas eu não me lembro de nadinha que saiu pelo STATION esse ano, então me é facílimo qualificar "Love Like You" como a melhor faixa do projeto esse ano até então. Adorei esse throwback pras mais tocadas da Jovem Pan nos anos 2000. O MV na caixa da SM alternando entre as interações dela com o cenário e as dançarinas do F(x) rebolando também está maravilhoso. Não encontrei muitas informações oficiais sobre quem é essa Charli Taft, mas a galera nos comentários do YouTube está comentando que ela é da equipe de compositores da gravadora, já tendo escrito pro Red Velvet e feito uns bicos fora da SM para a BlockBerry no Loona. Se essa moda de colocarem a galera ocidental dos bastidores pegar, já estou torcendo para um single com a Saara até o fim do ano...

- x -

RAINA - LOOP (ft. ARON)



Dueto letárgico anual da Raina, dessa vez com o Aron, do NU'EST. Orange Caramel/After School pra que, né, Pledis?

- x -

ELRIS - MY STAR



Que morte lenta e horrível a Sohee está sofrendo dentro do Elris, né? Isso ai pegou tudo o que de pior há no Apink e elevou por cem. E ainda usam como MV oficial esse dance pratice amador...

- x -

MYTEEN - AMAZING, TAKE IT OUT





Bacana o debut desses nugus ai. Curti mais o Funk/Pop de "Amazing", mas essa "Take It Out" também não faz feio nisso de R&B retrô não. Derivativo, sem brilho, sem identidade, mas divertido de escutar do início ao fim...

- x -

JJ PROJECT - TOMORROW, TODAY


Pra variar, uma balada com pulso vinda de um ato coreano. Ponto para o JJ Project...

- x -

SNUPER - THE STAR OF STARS



Achei esse comeback inferior aos outros do Snuper de "Platonic Love" até aqui, mas, ainda assim, é uma boa música caprichada nos moldes Sweetune  (foi produzido por eles?), ou seja, melhor que 90% dos lançamentos masculinos na atualidade...

- x -

PARC JAE-JUNG & MARK (NCT) - LEMONADE LOVE



Lembram o que falei lá em cima no parágrafo da Charli Taft sobre não lembrar de nadinha que saiu nos STATIONS? É, pois é...

- x -

MONSTA X - NEWTON



Farofa de verão legal do Monsta X que eu provavelmente nunca mais escutarei. Mas fica aqui registrado que eu realmente curti. Provavelmente, só não durará tempo demais na minha playlist por não ter nadinha de muito memorável nela...

- x -

KANA NISHINO - GIRLS



Deixando a Coreia de lado e indo para o Japão, por algum milagre divino, Kana Nishino resolveu variar um pouco em sua sonoridade e soltar esse R&B eletrônico disney girly gostosinho ai. Fosse qualquer outra cantora lançando "Girls" eu meio que ignoraria e seguiria a vida, mas o choque de ser a Kana Nishino meio que me fez curtir isso pela ironia, ouvir várias e várias vezes até acabar gostando de verdade...

- x -

NANA MIZUKI - TESTAMENT



QUE DELICIAAAAAAAARRRRRGGGHHH!!! Eu to sentindo muita falta desses números exageradamente sentimentais vindos do Japão esse ano e a Nana Mizuki entregou em "Testament" tudinho o que eu mais curto em tal nicho: os elementos roqueiros estão lá, os elementos sinfônicos também, os versos intensos, o refrão alucinante. Nana Mizuki rainha...

- x -

UTADA HIKARU - FOREVERMORE



Pra ser honesto, "Forevermore" me soa mais como album track que como faixa para ser lançada como single, pois falta nela algo mais radiofônico, pegajoso, entendem? Mas esse sou eu sendo chato e irritante tentando procurar defeitos em algo sem qualquer necessidade, visto eu ADORAR as album tracks da Utada. Logo, adorei isso aqui. E o videoclipe de dança contemporânea torna tudo ainda melhor. Utada rainha entre as rainhas...

- x -

Faltou alguma coisa?

2 comentários:

  1. O MV da Shannon já saiu, porém ainda não foi upado no youtube, só naquele V-ALguma-Coisa :P (então é a mesma coisa q não ter saído ainda, né?)

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...