sexta-feira, 26 de maio de 2017

Raspa Semanal #13 | Seventeen, Yezi, A.C.E, 24K e +


E aqui estamos com mais uma raspa semanal, reunindo tudo o que poderia aparecer aqui no blog ao longo dos últimos dias, mas que acabaram não surgindo, ou por falta de tempo deste que vos escreve, ou por acreditar que, sozinhas, tais pautas não renderiam bons posts solos.

Sem mais delongas, vamos lá...

SEVENTEEN - DON'T WANNA CRY



O Seventeen tinha dado um up sonoro quando lançou "Highlight", que ganhou um MV no início desse ano, atraindo positivamente a minha atenção. E agora eles voltaram a perder o crédito com essa "Don't Wanna Cry", que é quase uma versão coreana da execrável Closer, do ainda mais execrável The Chainsmokers. Que morte horrível...

- x -

A.C.E - CACTUS



Eu já tinha visto alguns vídeos de covers desse caras ai no YouTube, com um destaque especial para o de Don't Recall, do K.A.R.D, mas nem sabia que eles eram um grupo de verdade. "Cactus" é uma farofa que me lembra um pouco o que costumam lançar do tipo dentro do J-Pop, visto a certa "estranheza" dos sintetizadores e do próprio andamento da faixa. Tá bacana...

- x -

24K - ONLY YOU



Essa aqui também está interessante, embora não tenha tanto replay factor comigo. Os versos mais dramáticos e o refrão repetitivo com os sintetizadores explodindo atrás são bacanas. Ao menos, os boygroups estão tentando sair das fórmulas mais comuns (pagar de fodão no Hip Hop, pagar de emotivo em baladinhas R&B etc.) esse ano, o que é bom...

- x -

RED QUEEN - SUPER GIRL MAGIC



Essas meninas são fruto de um outro reality show? A Coreia sabe mesmo como explorar algo até a fonte secar, viu. Enfim... Farofa ótima, grudenta, tosca na medida e que será bem útil na minha playlist piranhando-dentro-do-ônibus-indo-para-a-faculdade. A propósito, a mais bonitinha é a cara da Sojin, do 9MUSES. É ela?

- x -

MARMELLO - PUPPET



Essa tá bacaninha mais por ser muito raro algum girlgroup coreano lançar esses números Pop/Rock bubblegum. Se for para comparar com os cenários japa e ocidental, "Puppet" nem é nada de uou. Vale o tempo gasto e mais alguns replays. (legal eu sendo todo indiferente agora sendo que provavelmente estarei viciado nisso pelos próximos meses)

- x -

KRIESHA CHU - TROUBLE



Assim como a Sohee da semana passada, essa aqui é outra participante da temporada mais recente daquele reality K-Pop Star (cadê a Shannon Williams?), sendo que ela é parte chinesa, parte filipina e parte norte americana. Diferente da Sohee, que quer formar o Capitão Planeta com outras quatro amiguinhas, a gravadora dela deve investir apenas em carreira solo. Se isso vai dar certo eu não tenho a mais remota ideia, mas é bacana que o aegyo dela não está tão exagerado no MV e essa "Trouble" tem um ~estilo Brave Brothers~ bem legal para o que se tornou o mainstream coreano atual. Boa sorte para vocês tentando tirar os "I'm in trouble trouble troubleeeeee, AIAIAI LIKE IT" da cabeça...

- x -

YEZI - ANCK SU NAMUM



E a melhor dessa raspa é "Anck Su Namum", com Yezi vendendo a alma para demônios egípcios e colocando a língua deles na melhor faixa de apropriação cultural satânica que a CL nunca lançará. Beijos, Truedy...

- x -

RITA ORA - YOUR SONG



Off topic: A Rita Ora está de volta com "Your Song", uma faixa composta pelo Ed Sheeran e que deve ser o primeiro lead single oficial do atrasadíssimo segundo álbum dela. Pra quem não sabe, a Rita é um daqueles casos onde problemas da indústria acabam interferindo no que poderia ser uma carreira brilhante. 

Ela ~debutou~ como principal assinada da Roc Nation (gravadora do Jay Z) na Europa e deu uma certa estourada com seu primeiro álbum "Ora", em 2012, passando por todos os principais festivais mundo a fora, programas de TV e etc. Porém, uma porrada de coisas aconteceram dai em diante impedindo que ela ficasse ainda mais em evidência, como o ex-namorado dela, Calvin Harris, vetando que ela trabalhasse a ótima I Will Never Let You Down num debut americano por vingança pessoal, já que ela havia terminado com ele, proibindo também que ela utilizasse todas as canções já pré-gravadas pelos dois em tal trabalho; a imprensa criando uma inimizade entre ela e a Rihanna porque, teoricamente, elas ocupariam o mesmo espaço na cultura Pop; e a própria gravadora impedir que ela se dedicasse à música, com ela quebrando seu contrato e indo para outra. 

Felizmente, essa mulher deve ter uma lábia muito boa, pois acabou se enfiando em vários feats. nesse meio tempo, além de participar como jurada das edições britânicas do "The X-Factor", do "The Voice" e apresentar o reality "American Next Top Model", estando confirmada para hostear um outro survival show que formará uma boyband em breve.

"Your Song" é só um Pop good vibes gostosinho e chiclete, com a adição de alguns sintetizadores futuristas, sendo basicamente o que ela lançava em 2012, mas fica ai a esperança de o cenário musical mainstream ocidental voltar a ser tão divertido quanto era anos atrás, com pessoas realmente talentosas e propostas menos limitadas que as atuais. Sério, rolou o Billboard Music Awards no final de semana passado e eu não sei como a galera americana consegue projetar em alguém como a Camila Cabello a figura de uma diva Pop...

- x -

E ai, faltou alguma coisa?

2 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...