sexta-feira, 4 de novembro de 2016

Pacotão E-Girls: Ami, Flower, ShuuKaRen, Happiness e o megazord completo


Ooh, e lá vamos nós para mais um pacotão de comentários, onde eu queimo várias pautas que poderiam gerar sei lá quantos mais views aqui pro blog em um post só.

Geralmente, eu reúno o conteúdo que eu acabei deixando passar da semana nisso, mas como ando bastante atrasado nos meus pitacos sobre o mundo musical japa, resolvi juntar aqui os mais recentes releases das meninas do E-Girls, sejam juntas ou em suas diversas desambiguações.

Enfim, vamos começar pela minha bias... -q


A Ami (Dream), sabe-se lá o motivo, resolveu regravar "Lovefool", do The Cardigans. Eu adorei, do início ao fim, achei o videoclipe lindíssimo. Só achei estranho mesmo que, tirando o fato dos versos serem cantados em japonês, não tem nadinha de diferente da original. Mas nem estou reclamando, o resultado final ficou super legal, grudento. Tomara que as faixas dela daqui pra frente sigam uma linha parecida com essa...


Nhé, o Flower deve ser o meu ato favorito do E-Girls, mas isso aqui está bastante inferior aos maiores acertos do catálogo delas. "Only was A Sad Love for Someone Else" é bonitinha e segue aquilo delas inserirem elementos clássicos japoneses em canções Pop, mas, sei lá, está menos interessante que o que elas podem fazer.

A propósito, isso ai foi lead single do best of que elas lançaram em setembro, onde as músicas foram todas editadas apenas com a voz da Reina, única vocalista restante do girlgroup. Não mudou muito, pra ser sincero...


Juntaram as irmãs Fujii, a Shuuka (hahahaha) é do Flower e a Karen é do Happiness, numa unidade somando o nome delas. E enquanto a ideia de a Shuuka (hahahaha) cantar é uma novidade e tanto, a sonoridade de "Universe" não foge em nada do lado farofeiro do E-Girls. Que bela música para bater cabelo, não? Tenho certeza que estará rankeada bem alto no meu top de final do ano...


Já esse troço do Happiness vai passar bem longe de qualquer pensamento de melhores do ano. "Ordinary Girls" é daquelas faixas cujo andamento muda de maneira nada orgânica quando chega no refrão. Se os versos ainda fossem bacanas, tipo em L.I.E, do EXID, ainda funcionaria, mas não é o caso aqui.

Aah, essa foi a faixa de trabalho do segundo álbum completo delas, o "GIRLZ N' EFFECT", lançado mês passado. Tem coisas divertidas nele, caso vocês tenham paciência para ouvir...


Pra encerrar, o megazord completo vai lançar seu décimo oitavo single, "Go! Go! Let's go!", no próximo dia 30. Não é a melhor coisa que escutei delas esse ano, pois Dance With Me Now e Pink Champagne se mantém invictas, mas é bem provável que essa pegada mais orgânica me conquiste cada vez mais até o final do mês e eu me vicie sem perceber.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...