sexta-feira, 8 de julho de 2016

Comentando os comentários sobre a substituta do Homem de Ferro


E ai que, no começo da semana, a Marvel anunciou que a Riri Williams irá substituir o Homem de Ferro em sua revista principal na série de HQs Marvel NOW! Isso irá acontecer após a saga Guera Civil II, onde o Tony Stark deixará de usar a armadura, dando espaço para essa sua assistente, uma jovem de 15 anos extremamente inteligente.

Aah, e ela é negra, com um black power maravilhoso. Ou seja, isso causou um alvoroço entre os fãs do herói, que não admitem que "um ícone seja substituído assim".

Eu poderia fazer um texto gigante e embasado sobre o quão racista e machista tem sido a recepção de alguns com essa notícia, mas, para simplificar, resolvi trazer aqui alguns prints de comentários em alguns sites nerds de muita influência aqui do Brasil.

Partiu ver o que uns leitores falaram lá no Legião dos Heróis...


"Sem racismo, só lógica". Fico aqui pensando se, pela lógica, o cabelo crespo não consegue ser preso como qualquer outro. Quer dizer, não é só dar um nó, usar uma presilha, uma xuxinha? Ou será que, pela lógica, só cabelos lisos diminuem de volume quando presos?


Fico curioso pra saber qual a definição de "as minorias" para esse rapaz. Será que é "homens brancos de classe média/alta que leem quadrinhos e são bancados pelos pais"? Também fico curioso para saber o que não seria "mimimi" vindo daqueles que ele não considera minoria. Digo, porque, para ele, deve mesmo ser muito mimimi que mulheres e negros peçam por igualdade, lutem contra a repressão, preconceito e até possam ser super heróis high profiles em editoras gigantes. Mas acho que, nesse caso, isso seriam "benefícios", certo?



Claro, pois é muito forçado mesmo ter um adolescente pobretão ser um gênio e virar pupilo do Homem de Ferro. Nunca que isso estaria dentro dos parâmetros de uma revista de heróis...


...se ele não for um cara branco.


De novo isso do cabelo?


Ooh, perdão, não sabia que as pessoas de outras etnias e sexualidades não podiam querer se sentir representadas em gibis.


Puxa vida, o racismo realmente não existe, né?


Eita, esse último ai é realmente fãs de heróis, lembrou até da versão Big Brother Brasil da Liga da Justiça em 2005, com Grazi, Pink, Sami-san e Jean enfrentando a homofobia...

never forget todos os vilões saindo semana a semana...

Em dado momento, meio que me enchi dos comentários lá na Legião dos Heróis e decidi dar uma olhada em outro site muito famoso, influente e aclamado pelos nerds brasucas, o Jovem Nerd. E então...



Mais gente falando do cabelo...


Pois ai já seria demais, né?



Pessoas exercitando o dom de previsão do futuro, sabendo como será a HQ e a abordagem na personagem na história mesmo antes dela ser lançada...



Um combo de "redução de todas as mulheres negras maravilhosas e talentosas com black numa só" + "Tem um negro roubando minha vaga" + "Olha o cabelo dela, não deve dar pra prender". Muito bem, parabéns!

Mas relaxem, "o racismo está na nossa cabeça cujo cabelo não entraria num capacete".


A propósito, o Robert Downey Jr disse que adorou a escolha para substituir o manto do Homem de Ferro nas HQs. 

E eu bem que pularia de alegria se isso tudo fosse um prelúdio para a Disney inserir a personagem no universo cinematográfico da Marvel futuramente. Adoraria ver a cara desse bando de racistas e machistas imundos caso isso acontecesse. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...